Quantidade de Páginas visitadas



Orgãos Colegiados da Escola 

Conselho Escolar

O que é – O Conselho Escolar é um órgão colegiado de natureza consultiva, deliberativa, avaliativa e fiscalizadora sobre a organização e a realização do trabalho pedagógico e administrativo da instituição escolar em conformidade com as políticas e as diretrizes educacionais da Secretaria de Estado da Educação, a Constituição Federal, a Constituição Estadual, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, o Estatuto da Criança e do Adolescente, o Projeto Político-Pedagógico e o Regimento Escolar.

Quem faz parte – O Conselho Escolar é composto por representantes da comunidade escolar e de representantes de movimentos sociais organizados e comprometidos com a educação pública, presentes na comunidade, sendo presidido por seu membro nato, o diretor da escola.

O Conselho Escolar do Colégio Estadual São Cristóvão está assim constituído:

1. Presidente do Conselho Escolar: Profª Marisane Lopedote Benvenutti
2. Representante da Equipe Pedagógica: Profª Irene C. B. Porn
Suplente: Profª Sara Correa Thomas
3. Representante do Corpo Docente: Prof. Nelson Valdir Karpinski
Suplente: Profª Luciola de Paula e Souza
4. Representante dos Funcionários Administrativos: Roseli Aparecida Lipienski Ireno
Suplente: Edimar Wolf
5. Representante dos Funcionários de Serviços Gerais: Sonia Maria Ternoski
Suplente: Cléia Cristina Kunze Novinski
6. Representantes do Corpo Discente:  Renan M. Wladyka, Maicon André Smykaluk
7. Representante dos Pais: Rose Mari Prochera, Maria de Lurdes Wladyka, e Maria Salete Karpinski 
8. Representantes dos movimentos sociais organizados da comunidade: Ricardo Somer, Adilson Gomes da Maia

Direção

Marisane Lopedote Benvenutti - Diretora
Alma Weber – Diretora Auxiliar

Equipe Pedagógica

Irene Cristina Bialeski
Luciane Maria Figueiredo de Souza
Sara Correa Thomas
Maria de Lurdes Wladyka

Equipe Administrativa

Roseli Aparecida Lipienski Ireno – Secretária
Aimara de Jesus Ribas Gomes Piecharki
Edimar Wolf 
Ana Paula Bunhak
Gerson Hilário Andrucho
Ivanira Luczkeivicz da Silva
Ivonete de Fátima Nehls
Cleusa Mara Melo Teixeira 
Wilson Luis Sedor

Equipe de Serviços Gerais

Adilson Gomes da Maia
Carmen Lúcia Nascimento de Oliveira
Cléia Cristina Kunze Novinski
Eliane Aparecida Wegmann de França
Simone Aparecida Domingues
Marizete de Fátima Loth Mizvua
Marciane Alves Santos
Roseli de Fátima Fernandes Faria
Andrea Aparecida Zanlorenze

Conselho de Classe

O Conselho de Classe é órgão colegiado de natureza consultiva e deliberativa em assuntos didático-pedagógicos, fundamentado no Projeto Político Pedagógico da Escola, e no regimento escolar, com a responsabilidade de analisar as ações educacionais, indicando alternativas que busquem garantir a efetivação do processo ensino e aprendizagem.
Conselho de Classe constitui-se em um espaço de reflexão pedagógica, onde todos os sujeitos do processo educativo, de forma coletiva, discutem alternativas e propõem ações educativas eficazes que possam vir a sanar necessidades/dificuldades apontadas no processo ensino e aprendizagem.
Observando a importância de redimensionar o espaço do Conselho de Classe organizaram-se ações com a finalidade de analisar, acompanhar e aperfeiçoar os dados intervenientes do processo de aprendizagem dos alunos. Desta forma poderão ser criados os meios mais adequados para solucionar os conflitos e/ou problemas constatados pelos docentes e equipe pedagógica, bem como, através destas ações manter atualizado um parecer dos alunos durante todo o ano letivo.
Objetivos:
• Analisar os dados referentes a aprendizagem buscando estratégias de soluções;
• Acompanhar os limites e possibilidades dos alunos no decorrer do ano letivo;
• Avaliar as intervenções feitas para viabilizar a aprendizagem dos alunos;
• Dar condições que possibilitem ao professor tomar decisões quanto ao aperfeiçoamento das situações de aprendizagem.

Metodologia:
• Entregar aos professores fichas nas quais os mesmos colocarão dados referentes aos alunos, nos aspectos (indisciplina, desinteresse, não entrega atividades, dificuldade de aprendizagem, faltoso agressividade, outros.);
• Os professores remetem as fichas a equipe pedagógica que tabula os dados obtendo um relatório geral para cada turma; registrando também uma avaliação positiva do aluno , se houver.
• No conselho de classe as fichas subsidiam as análises feitas bem como as propostas de ações.

Obs.: Os professores conselheiros fazem a análise das turmas (parecer). No conselho de classe é dado espaço para que sejam acrescentados comentários relevantes a cada situação. 


Conselho Representante de Turmas

Atribuições do aluno representante e vice:

• Responsabilidade
• Assiduidade
• Capacidade de auto-crítica
• Capacidade de compreensão do outro
• Amigo
• Capacidade de diálogo
• Exemplo
• Trabalhar em conjunto com o professor conselheiro na participação dos colegas em atividades que poderão ser desenvolvidas. Ex. Hora Cívica, Femacesc, etc.
• Zelar pela disciplina na sala de aula, sem ser autoritário, mas amigo.
• Zelar pela ordem, preservação e limpeza da sala de aula, do pátio, etc...
• Zelar pela pontualidade e assiduidade, insistindo sempre na freqüência às aulas.
• Zelar pelo respeito aos professores.
• Não se excede em sua autoridade.
• Tratar com amizade e carinho os colegas.
• Sempre que possível, relembrar aos colegas, as normas da escola.
• Incentivar a aquisição de hábitos de estudo.
• Mostrar-se amigo e colaborador com os outros.
• Representar a turma perante a Direção, Equipe Pedagógica, Professores e secretaria, ou reivindicar, em nome dos colegas
• Repassar para a Equipe Pedagógica, o nome de alunos faltosos. 

Grêmio Estudantil

O que é – O grêmio é uma organização sem fins lucrativos que representa o interesse dos estudantes e que tem fins cívicos, culturais, educacionais, desportivos e sociais.
O grêmio é o órgão máximo de representação dos estudantes da escola. Atuando nele, o educando defende seus direitos e interesses, e aprende ética e cidadania na prática. 

Associação de Pais, Mestres e Funcionários – APMF

O que é – Associação de Pais, Mestres e Funcionários, e similares, - pessoa jurídica de direito privado, é um órgão de representação dos pais e profissionais do estabelecimento, não tendo caráter político partidário, religioso, racial e nem fins lucrativos, não sendo remunerados os seus Dirigentes e Conselheiros, sendo constituído por prazo indeterminado.
Quem faz parte – A Associação de Pais, Mestres e Funcionários é um órgão formado por membros de toda a comunidade escolar envolvidos no processo educacional, igualmente responsáveis pelo sucesso do desempenho da Escola Pública, que objetiva dar apoio à Direção das escolas, primando pelo entrosamento entre pais, alunos, professores, funcionários e toda a comunidade, com atividades sócio-educativas, culturais e desportivas.
A APMF do Colégio Estadual São Cristóvão tem como objetivos: discutir sobre ações de assistência ao educando; buscar a integração dos segmentos da sociedade no contexto escolar; representar os reais interesses da comunidade escolar, contribuindo para a melhoria da qualidade do ensino; promover o entrosamento entre pais, alunos, professores e funcionários e toda a comunidade, através de atividades sócio-educativa-cultural-desportivas; gerir e administrar recursos financeiros próprios e os que lhe forem repassados através de convênios; colaborar com a manutenção e conservação do prédio escolar e suas instalações.
A APMF tem como algumas de suas competências: acompanhar o desenvolvimento da Proposta Pedagógica; observar as disposições legais e regulamentares vigentes quanto à utilização das dependências da Unidade Escolar; estimular atividades para pais, alunos, professores e funcionários; promover palestras e conferências; colaborar com as necessidades de alunos carentes; definir o destino dos recursos e apresentar balancete semestral aos integrantes da comunidade escolar, a ser registrado em livro ata; mobilizar a comunidade escolar para que expresse as suas expectativas e necessidades; celebrar convênios com o Poder Público para o desenvolvimento de atividades curriculares, implantação e implementação de projetos e programas nos Estabelecimentos de Ensino da Rede Pública Estadual.
A APMF do Colégio Estadual São Cristóvão encontra-se assim constituída:
Presidente: Ana Paula de França Teixeira
Vice Presidente: Gislaine Aparecida Gomes
1ª Secretária: Ivanira Luczkeivicz da Silva
2ª Secretária: Ana Paula Bunhak
1ª Tesoureira: Silmara Galvão Tonkiewicz
2ª Tesoureira: Ana Javorivski Palmiro
1º Diretor Sócio-Cultural-Esportivo: Gerson Hilário Andrucho
2º Diretor Sócio-Cultural-Esportivo: Adilson Gomes da Maia

Conselho Deliberativo Fiscal
Representantes dos Mestres: Alois Fudal, Emili Coimbra de Souza e Tânia Salete Bughay
Representantes dos Funcionários: Aimara de Jesus Ribas Gomes Piecharki e Ivonete de Fátima Nehls
Representantes dos Pais: Simone Zortéa Paulek, Sérgio Senn, Sandra Fagundes, Maria Salete Karpinski, Ana Paula França.

Assessoria Técnica
Diretora da Unidade Escolar: Marisane Lopedote Benvenutti
Vice-Diretora da Unidade Escolar: Alma Weber
Representantes da Equipe Pedagógica-Administrativa da Unidade Escolar: Sara Correa Thomas, Irene Cristina Bialeski e Roseli Aparecida Lipienski Ireno.



 

 





Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito